terça-feira, 27 de setembro de 2016

Sete motivos que comprovam a importância da leitura



Você costuma ler muito ou lê só um pouquinho? Sabia que a leitura traz benefícios? 


A leitura possui lá a sua importância. O problema é que na maioria das vezes, não conseguimos vê-la e tampouco agregar isso ao nosso cotidiano. Listei aqui sete itens que mostram a importância da leitura. Sabe de mais algum? Cita nos comentários!

Livros ajudam a soltar a imaginação. Diferente dos quadrinhos, filmes e seriados, a visualização dos acontecimentos da história (personagens, lugares e situações) depende unicamente de você (e claro, dos detalhes que cada autor nos da). O autor vai dar a receita (por exemplo, a descrição de uma cena) e o resto vai depender da sua imaginação. Uma situação descrita em um livro pode ser estonteante para mim, mas para outra pessoa nem tanto. Talvez seja por isso que muitos leitores criticam as adaptações cinematográficas daquela obra, justamente por que cada um imagina de uma maneira (a não ser que o livro tenha ilustrações) e isso consequentemente estimulará a sua criatividade. Isso sem contar que você viaja sem sair do lugar.

Aumento do vocabulário. Ler expande seus conhecimentos à cerca da tão temida língua portuguesa. Além da descoberta de novas palavras (e seus significados) conseguimos um uso mais abrange de palavras que já conhecíamos anteriormente.

Liga o senso crítico na tomada. Como já disse anteriormente o poeta Mario Quitana, “os livros não mudam o mundo, quem muda o mundo são as pessoas. Os livros só mudam as pessoas.” Os livros, inclusive os romances, nos ajudam a entender o mundo e nós mesmos. E sim, a leitura prejudica altamente a ignorância. Quem lê se torna menos ignorante e passa a ver tudo como olhos de leitor. E aqueles que leem desde cedo estão bem mais preparados para os estudos, para o trabalho e o principal, para a vida. Saiu até numa Veja que quem lê ficção cria mais empatia e estudos feitos por mim mesma comprovam tal estudo.


Desenvolve o repertório. Pode ver, quem tem o hábito de ler sempre tem o que falar e sabe a hora exata de falar. É mais ou menos o que acontece numa peça de teatro. Sem contar que melhora bastante a sua comunicação com os outros, principalmente se o assunto abordado for um livro que os envolvidos já leram.

Facilita a escrita. Sim, é graças à leitura (e também a prática) que eu hoje consigo escrever esse texto para quem quiser ler. É um hábito que se reflete no domínio da escrita. Sabe o aumento do vocabulário? Ele também ajuda bastante nessa parte. Talvez seja por isso que muitos dos leitores de ontem são escritores hoje. Quem lê escreve melhor. Simples! Só que é aquela coisa, não é porque você lê que vai sair escrevendo coisas lindas e extensas, nessa parte vale o treino (não leiam meus textos antigos, não me responsabilizo por nenhum câncer de olho).

Amplia o conhecimento geral. Ler é um ato valioso para o nosso conhecimentos profissional e pessoal, tanto que há livros que abordam (e ajudam) em certas áreas. Quer um exemplo? Já ouvi relatos de várias pessoas que conseguiram um crescimento autônomo após ler “Quem Pensa Enriquece” do consagrado autor Napoleon Hill. Há livros certos para diversas áreas. Tem os de auto-ajuda e tem gente que se dá bem com eles. E os de ficção não ficam de fora, eles ajudam (meio que inconscientemente) em como podemos encarar a nossa tão cruel realidade, sem contar que cada autor tenta (ou não) passar alguma mensagem através de sua obra, nas entrelinhas.

Ler emociona e causa impacto e quem leu (não importa se é livro ou mangá) sabe como é a tristeza de ter terminado aquela história que foi tão bem contada ao ponto de nos trazer as lágrimas (ou não).


Como eu disse inicialmente, não é necessário que aqueles que não tem hábito de ler comecem com livros clássicos cheio de palavras diferente e não diverte - se bem que eles são bom pois estimulam o cérebro e geram mais atividade cerebral. Quinze minutos por dia são mais que suficientes, mas fica a critério se você quiser ler o livro inteiro. Não sabe por onde começar? Que tal aquele livro que te chamou a atenção outro dia (seja pela sinopse ou pela capa), ou até melhor, procure por gêneros que mais gosta, sejam ele romance, ficção, auto-ajuda… aqui vale qualquer coisa, até bula de remédio. Vale ler no sofá, na cama, no parque, no ônibus, antes de dormir (eu não recomendo), nas filas, no troninho… o importante é ler.

E por favor, não me venham com essa de não ter tempo! (mas ai já é tema para outro texto)

Boa leitura!

Antes que me xinguem de plágio, o texto acima foi postado originalmente no blog/site Mangatom numa coluna onde eu iria falar exclusivamente de livros (postando resenhas para ser mais exata), mas que eu acabei dando o fora por causa de uns problemas que aconteceram ano passado. E o dono de lá, devolveu meu texto para que eu possa fazer o que bem entender, como acrescentar umas coisinhas e postar aqui.

quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Star Wars Legends: O Último Comando


Star Wars Legends: O Último Comando - Timothy Zhan - 528 páginas - Aleph

No último volume da lendária trilogia Thrawn, as forças do exército imperial preparam seu ataque definitivo a Nova República.
A batalha final se aproxima. Enquanto Han Solo e Chewbacca buscam montar uma parceria com antigos contrabandistas, Leia continua com seus esforços diplomáticos a fim de manter a Aliança unida. No entanto, há outras grandes ameaças iminentes: Mara Jade, com seus planos assassinos, e o terrível jedi sombrio Joruus C'baoth, com planos a aliciar não apenas Leia, mas também seus filhos gêmeos.
Mas o maior perigo para a galáxia continua sendo o Império, com seu numeroso exército e sua potente fronta. A única esperança da Nova República parece estar em encontrar e destruir a fábrica de clones dos inimigos. Luke Skywalker será o líder dessa importante missão, tentando impedir, definitivamente, os propósitos do grão-almirante Thrawn.
O grandioso desfecho da Trilogia Thrawn, que fez as histórias do Universo Expandido de Star Wars, traz alianças inusitadas, muita ação e grandes revelações, na aventura final para salvar uma galáxia muito, muito distante.

Trilogia Thrawn 3/3


terça-feira, 13 de setembro de 2016

Minha playlist atual # Lindsey Stirling, Abney Park, Cœur de pirate, Emilie Autumn

Imagem e ideia do título por  Alternative Fashion & Lifestyle Blog Network (AFNL)

E desvendando o Spotify (Premium) no final de agosto teve um monte de coisa (teve quase de tudo, menos j-music), mas as principais bandas tocadas foram a violinista hip-hop com seu novo álbum, a procura por música steampunk para ouvir enquanto lia Circo Mecânico Tresaulti e a curiosidade daquela banda que estava por trás de uma boa trilha sonora de um jogo


segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Fundação: Um clássico de Isaac Asimov


Fundação - Isaac Asimov - 2009 (9ª reimpressão, 2015) - 239 páginas - Aleph

O Império Galáctico possui 12 mil anos. E possui pujança, grandeza e estabilidade. Ao menos em sua fachada. Mas ele está em pleno declínio, lento e gradual. E no final, culminará com uma regressão violenta da sociedade e a consequente destruição do conhecimento. Preocupados com isso, um grupo de cientistas traça um plano pela preservação do conhecimento adquirido. Vencedor do prêmio Hugo, como a melhor série de FC de todos os tempos, este é o livro inicial da Trilogia Fundação




"Um homem. Um plano. A maior aventura da história da raça humana."



segunda-feira, 8 de agosto de 2016

Os Três Mosqueteiros


Os Três Mosqueteiros - Alexandre Dumas - 2011 - 536 páginas - Generale
Compre AQUI

O jovem d'Artagnan deixa sua terra natal no interior da França e chega a Paris para se tornar membro dos mosqueteiros, a tropa especial do Rei Luís XII.
Após alguns acontecimentos, vê-se em meio a um embate com os três mosqueteiros, os amigos, Athos, Porthos e Aramis. Os duelos, porém, estão proibidos na França. Assim, inesperadamente, eles são flagrados pelos guardas do Cardeal Richelieu, que os atacam impiedosamente, e, juntos, saem vitoriosos do combate. Os quatro se tornam companheiros inseparáveis e adotam o lema "Um por todos, todos por um!".
Eles combatem em nome do rei e pela defesa da honra da rainha, vivendo uma sequência de momentos de tensão, ameaças e aventuras eletrizantes. As suas vidas estão sempre por um fio. Entre lutas de espadas memoráveis e perseguições alucinantes, os quatro bravos guerreiros correm contra o tempo para deter os avanços de Richelieu e se defender das armações da bela Milady e do Duque de Buckingham.
Recheado de intrigas. romance, bom humor, suspense e batalhas espetaculares, Os três mosqueteiros é um clássico da literatura mundial que continua encantando gerações de leitores.


"um por todos e todos por um!"



segunda-feira, 1 de agosto de 2016

Drops # Jornada em Corellà, No Game No Life Novel 3, Anohana, Ms. Marvel 2

Leituras e mais leituras....


Neste Drops # tem o livro Jornada em Corellà, a light novel de No Game no Life Novel 3, o mangá Anohana e a HQ Ms. Marvel #02. Não vou comentar as mensais que leio.

Confira abaixo um resumo do que vai para a minha pilha de leitura


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...